O lado podre de dez famosos

Duas faces
Quem nunca teve ou tem ídolo que nas telas ou mesmo nas atitudes públicas nos fascina.
Pois é, mas esquecemos de que estes ídolos são humanos propensos a atos vulgares e reprováveis também.
Já tive ídolos que me desencantou ao saber do seu outro lado, e você?
Por mais que admiramos uma pessoa não aceitaremos delas atitudes que não batem com o nosso conceito de lisura.
Vamos mostrar aqui dez famosos que talvez, seu lado ruim vai perdê-lo como admirador.


Eric Clapton
Eric Clapton - Wikimedia Commons
 Eric Clapton guitarrista, cantor e compositor britânico considerado pela revista Rolling Stone o segundo melhor guitarrista de todos os tempos.
Seu lado desprezível é seu preconceito contra os imigrantes, em 1970 ele chegou a externar publicamente seu ódio aos estrangeiros. Em 1976 chegou a fazer um show em apoio a Enoch Power político famoso por abominar estrangeiros, Clapton naquele infeliz dia disse "Eu acho que devemos enviá-los todos de volta" e se não bastasse neste dia inflamou sua plateia de otários com várias palavras de ordem de cunho racial.
Clapton disse aos fãs que a Inglaterra tinha ficado "superlotada" e que eles deveriam votar em Powell para que a Grã-Bretanha não se tornasse uma "colônia negra".

John Wayne
John Wayne - Wikimedia Commons
John Wayne outro que dispensa apresentação desfazia publicamente de quem contribuiu e muito para sua fama.
O povo nativo americano que o diga, Wayne detestava os índios que na maioria de seus filmes eram seus coadjuvantes. Certo dia perguntado se ele sentia alguma empatia com o povo nativo, Wayne respondeu que os colonos fizeram certo tomar este grande dos índios pois seriam eles os índios muito egoístas. Wayne disse algumas abomináveis sobre os negros , afirmando que ele acreditava na supremacia branca " até que os negros sejam educados a um ponto de responsabilidade. "

Chuck Berry
Chuck Berry - Wikimedia Commons
Chuck Berry grande inspirador dos Beatles, inventor do rock and roll, Berry veio para o lado obscuro da vida ao abrir um restaurante.
Não por causa do seu desempenho como empresário, mas porque passou a  satisfazer certos desejos de uma forma assustadora e ilegal. Em dezembro de 1989, um dos cozinheiros do restaurante Southern  Air em Missouri informou que Berry tinha colocado uma filmadora escondida no banheiro feminino. Depois de invadir a sua propriedade perto de Wentzville, autoridades encontraram 62 gramas de maconha e filmagens de várias clientes, dos quais uma era menor de idade, usando o banheiro. Embora Berry nunca tenha sido julgado em tribunal por isso, pois ele chegou a um acordo com as mulheres envolvidas, levando-o a desembolsar muitos dólares.

Laura Bush
Laura Bush - Wikimedia Commons
Laura Bush ex-primeira-dama do tio san, aos 17 anos, Laura Bush (então Welch) em um acidente de carro depois de ignorar um sinal de pare matou seu amigo íntimo MichaelDutton Douglas, quebrando seu pescoço. Welch e seu passageiro tiveram apenas ferimentos leves, e nenhuma acusação foi feita contra ela. Ela nunca compareceu ao funeral de Douglas nem falou com seus pais, no entanto, ela passou a lamentar sobre isso em sua autobiografia, na qual ela descreve o próprio acidente em grande detalhe. O fato permaneceu em segredo, mantido até mesmo de membros da família, até que seu marido começou a ganhar força como um político. As filhas de Bush só descobriram sobre o acidente, quando foi revelado ao público durante a primeira campanha presidencial de George W. Bush em 2000.

Keith Moon
Keith Moon - Wikimedia Commons
Keith Moon foi o baterista alcoólatra e excêntrico da banda de rock inglesa The Whoteve seu dia infeliz, ou melhor, sua noite em 1970 quando o músico acidentalmente atingiu seu guarda-costas e amigo íntimo Neil Boland com seu carro, matando-o. Moonera conhecido como um cara destruidor por acabar com quartos de hotel, casas de amigos e até mesmo sua própria residência, jogando com frequência móveis pelas janelas e destruindo banheiros com fogos de artifício. Estes atos eram quase sempre provocados pelo consumo de drogas e álcool mas, na maioria do tempo, Moon estava simplesmente dando continuidade ao estilo de vida pelo qual se tornou famoso. Quanto ao acidente apesar de ser acusado por dirigir embriagado, o juiz determinou a morte deBoland como acidental, limpando o baterista de quaisquer acusações de assassinato.
Sean Connery
Sean Connery - Wikimedia Commons
Sean Connery o grande galã da serie de filmes James Bond onde se destacava por ser um cavalheiro e indomável amante das mulheres, na vida real não era o que Connery praticava.
Em várias entrevistas que ele manifestou indiferença em relação à violência doméstica, principalmente em um artigo de 1965 da revista Playboy, onde ele afirmou que bater em mulher de vez em quando não era anormal, se a mulher o provocar que o diga sua ex- esposa, Diane Cilento. Mas recentemente em 1987 Cornner se retratou para a apresentadora de televisão Barbara Walters “Em algunhas situações a mulher tem a palavra final” Apesar disso, continua a ser uma celebridade Connery é altamente respeitado e recebeu o título de cavaleiro em 2000.

Ike turner
Ike turner - Wikimedia Commons
Ike Turner nesta mesma pegada e um pouco pior temos o  pioneiro da soul music e ex marido da talentosa cantora Tina turner.Ike Turner era um mulherengo notório durante a sua vida, depois de ter sido casado pelo menos cinco vezes (embora Tina Turner afirmou que o número era muito, muito maior, e as vezes Ike chegou a ter 13 mulheres diferentes). Ike tem a fama de usar a força contra as mulheres, especialmente a colega Tina Turner. Porém toda a extensão da violência foi realmente conhecida após a sua morte, em 2007. em uma entrevista com Oprah, Tina relatou que Ike lhe bateu várias vezes na cabeça com um sapato de salto  de madeira e, em seguida, lhe forçava ir para a cama.
O casamento terminou em 1974, após uma luta dentro de sua  limusine antes de um show, o que causou um grande hematoma nos olhos Em seus últimos anos, o Sr. Turner admitiu que lamentou a perda de Tina, mas disse que não era "envergonhado" de qualquer coisa que ele tinha feito.

Ted Geisel
Ted Geisel - Wikimedia Commons
Dr. Seuss escritor amado pelas crianças, famoso por suas rimas intensas e vocabulário inventivo. Seuss também conhecido por seu nome verdadeiro Ted Geisel, depois de 40 anos casado com a colega escritora Helen Geisel se apaixonou por Audrey Dimond 18 anos mais jovem.
Ted Geisel teve os últimos 13 anos de vida muito sofrimento. Acometida de doenças fatais, incluindo o câncer, Ted suicidar por overdose de medicamentos ao saber da traição do marido Seuss.
Dr. Seeuss casou com a amante depois de um ano da morte de sua primeira esposa.

James Lipton
James Lipton - Wikimedia Commons
James Lipton escritor norte-americano, compositor, ator e reitor emérito da Escola de Teatro Actors Studio, na Pace University, em Nova York, quem diria foi na juventude um "mec" ou simplesmente Cafetão. Na década de 50 James para pagar seu aluguel em Paris se envolveu co uma prostituta e logo passou a administrar um bordel agenciando prostitutas francesas. Vale dizer que na época a prostituição em digamos "quase legalizada na França".  Lembra James que ser Mec era uma profissão bastante respeitada na época. Em retrospecto, no entanto, o ator altamente estimado é agora contra pagar por sexo, e precisa?

Roald Dahl
Roald Dahl - Wikimedia Commons
Roald Dahl escritor dos mais vendidos no mundo. É conhecido principalmente por seus livros infantis, entre os quais figuram A Fantástica Fábrica de Chocolate, Matilda, As Bruxas e James e o Pêssego Gigante seus livros foram transformados em filmes no século XX.
Roald infelizmente era um irresponsável segundo um de seus contemporâneos, Donald Sturrock. Ainda segundo Sturrock, Roald criticava os outros, mas ele era bastante rude e hipócrita. Um dos mais marcantes demônios de Roald era seu antissemitismo descarado, a ponto de dar justificativas nada aceitáveis as abomináveis atitudes do Hitler para com o povo judeu. Em uma entrevista em 1990, para o Independent, Dahl referiu a si mesmo tanto como " anti- Israel "e" antissemita ".

Bem pessoal o intuito deste post não é ser moralista, mas simplesmente mostrar como abordei no início que somos humanos e temos falhas. Não é por ser uma pessoa famosa que seremos Deuses, e isto é que a maioria das pessoas enxergam em seus ídolos.
Devemos sim enaltecer sua arte mas jamais idolatra-los como tal.

3 comentários:

Todos comentários são lidos e moderados previamente.
São publicados apenas aqueles que respeitarem as regras abaixo:
-Ter relação com o assunto do post.
-Não conter propagandas de outro site ou blog.
-Não incluir links no conteúdo do comentário.
-Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;
Obrigado(a) por comentar!

free website hit counter